Páginas

terça-feira, 27 de dezembro de 2011

Deus costuma usar a solidão, para nos ensinar sobre a convivência. Às vezes, usa a raiva para que possamos compreender o infinito valor da paz. Outras vezes usa o tédio, quando quer nos mostrar a importância da aventura e do abandono. Deus costuma usar o silêncio para nos ensinar sobre a responsabilidade do que dizemos. Às vezes usa o cansaço, para que possamos compreender o valor do despertar. Outras vezes usa a doença, quando quer nos mostrar a importância da saúde. Deus costuma usar o fogo, para nos ensinar a andar sobre a água. Às vezes, usa a terra, para que possamos compreender o valor do ar. Outras vezes usa a morte, quando quer nos mostrar a importância da vida.

Fernando Pessoa


quinta-feira, 15 de dezembro de 2011


“Quero que você saiba que sempre será parte de mim. No tempo que passamos juntos, você conquistou um lugar especial no meu coração, que eu vou levar comigo para sempre e ninguém pode substituir… Mas, acima de tudo, você é o primeiro homem que amei verdadeiramente. E não importa o que o futuro traga, você sempre será, e sei que minha vida é melhor por causa disso.”

Dear John




segunda-feira, 12 de dezembro de 2011

E nem eu imaginava, que aquela brincadeira tonta fosse se transformar nesse sentimento tão forte, que de uma hora pra outra, acaba comigo..
Mas que ao mesmo tempo, me faz a pessoa mais feliz desse mundo.!


Um Mês 10/12!!!

Muitoo obrigado por me fazer viver de novo, sorrir. Te adoroo!!!


sexta-feira, 2 de dezembro de 2011

Então, não perca seu tempo comigo. Eu não sou um corpo que você achou na noite. Eu não sou uma boca que precisa ser beijada por outra qualquer. Eu não preciso do seu dinheiro. Muito menos do seu carro. Mas, talvez, eu precise dos seus braços fortes. Das suas mãos quentes. Do seu colo pra eu me deitar. Do seu conselho quando meu lado menina não souber o que fazer do meu futuro. Eu não vou te pedir nada. Não vou te cobrar aquilo que você não pode me dar. Mas uma coisa, eu exijo. Quando estiver comigo, seja todo você. Corpo e alma. Às vezes, mais alma. Às vezes, mais corpo. Mas, por favor, não me apareça pela metade. Não me venha com falsas promessas. Eu não me iludo com presentes caros. Não, eu não estou à venda. Eu não quero saber onde você mora. Desde que você saiba o caminho da minha casa. Eu não quero saber quanto você ganha. Quero saber se ganha o dia quando está comigo.

Caio Fernando de Abreu


quarta-feira, 30 de novembro de 2011

Não é o sentimento que se esgota, somos nós que ficamos esgotados de sofrer, ou esgotados de esperar, ou esgotados da mesmice. Paixão termina, amor não. Amor é aquilo que a gente deixa ocupar todos os nossos espaços, enquanto for bem-vindo, e que transferimos para o quartinho dos fundos quando não funciona mais, mas que nunca expulsamos definitivamente de casa.

quarta-feira, 23 de novembro de 2011

Ainda que eu falasse as línguas dos homens e dos anjos, e não tivesse amor, seria como o metal que soa ou como o címbalo que retine. 
E ainda que tivesse o dom de profecia, e conhecesse todos os mistérios e toda a ciência, e ainda que tivesse toda fé, de maneira tal que transportasse os montes, e não tivesse amor, nada seria. 
E ainda que distribuísse todos os meus bens para sustento dos pobres, e ainda que entregasse o meu corpo para ser queimado, e não tivesse amor, nada disso me aproveitaria. 
O amor é sofredor, é benigno; o amor não é invejoso; o amor não se vangloria, não se ensoberbece, não se porta inconvenientemente, não busca os seus próprios interesses, não se irrita, não suspeita mal;não se regozija com a injustiça, mas se regozija com a verdade;tudo sofre, tudo crê, tudo espera, tudo suporta. 
O amor jamais acaba; mas havendo profecias, serão aniquiladas; havendo línguas, cessarão; havendo ciência, desaparecerá; 
porque, em parte conhecemos, e em parte profetizamos;mas, quando vier o que é perfeito, então o que é em parte será aniquilado. 
Quando eu era menino, pensava como menino; mas, logo que cheguei a ser homem, acabei com as coisas de menino. 
Porque agora vemos como por espelho, em enigma, mas então veremos face a face; agora conheço em parte, mas então conhecerei plenamente, como também sou plenamente conhecido. 
Agora, pois, permanecem a fé, a esperança, o amor, estes três; mas o maior destes é o amor.

Uma amor para Recorda

domingo, 13 de novembro de 2011

Sabe todas as palavras de amor? Esqueça-as. Sabe todas as cartas? Rasgue-as. Sabe todo o amor que eu te dei? Devolva-o. Sabe o meu coração? Ele não pode mais pertencer a você, me dê de volta. Tudo o que eu fiz por você? Apenas continue fingindo que não foi nada. Porque hoje meu bem, quem se cansou do amor fui eu. Hoje eu vou sorrir, seguir em frente, e parar de me importar com tudo o que eu não fui pra você. Sabe aquele botão, o FODA-SE? Então, eu apertei.

domingo, 6 de novembro de 2011


Promete? Eu preciso que você prometa estar sempre aqui, mesmo que seja só em pensamento. Promete nunca desistir da gente, nunca desistir do nosso amor, da nossa história? Mesmo que haja
brigas, de vez em quando uns ‘nunca mais’, nunca desista de me amar. Promete nunca desistir de tudo aquilo que um dia, juntos a gente sonhou


quinta-feira, 3 de novembro de 2011



“Talvez seja só por isso que eu ainda te aguente: você pode ter todos os defeitos do mundo, mais ainda é melhor do que o resto do mundo.”

Tati Bernardi



quarta-feira, 2 de novembro de 2011

Alguém que não tenha vergonha de dançar. Alguém que tenha história para contar. Alguém que cante mesmo sem ter a melhor voz. Alguém que te embale com doces palavras antes de dormir. Alguém que te acompanhe. Alguém que te ame. Alguém que te ouça. Alguém que te responda. Alguém que te observe. Alguém que te beije com desejo. Alguém te morda com carinho. Alguém que te abrace firme. Alguém que te proteja. Alguém que te encante. Alguém que sorria. Alguém que te faça sorrir. Alguém que chore. Alguém que admita. Alguém que grite. Alguém que brigue. Alguém que erre. Alguém que diga o quanto é feliz por ter você. Alguém que antes de sair contigo para qualquer lugar lembre o quanto você é linda. Alguém que encare. Alguém que você ame. Alguém que você precise. Alguém que precisa de você. Alguém que te olhe nos olhos. Alguém que beije sua testa. Alguém cheio de detalhes. Alguém por quem você se apaixone mais de uma vez.. PRECISA DE MAIS?

terça-feira, 1 de novembro de 2011

Às vezes, as coisas que você mais quer, não acontecem. E aquelas que você menos espera, acontecem. Eu não sei, você conhece milhares de pessoas e nenhuma delas te toca. E aí você conhece uma pessoa e a sua vida muda pra sempre. 

Amor e Outras Drogas

                                                                 
                                                                  

quinta-feira, 27 de outubro de 2011


Eu podia sentir de novo o meu coração sendo partido ao meio, e a sensação de
que meu corpo inteiro doía, acompanhados da enorme onda de desespero e vontade de chorar. Tudo o que eu conseguia pensar era em sair correndo, sumir dali. No entanto, eu estava imóvel, com os olhos presos no nada e tentando me manter firme enquanto as palavras que eu ouvira estavam sendo digeridas. Eu sabia que a culpa era toda minha, o incrível dom de afastar de mim as pessoas que eu mais queria por perto. Mais saber que a culpa era minha não era a pior parte, a pior parte era saber que eu o havia magoado. Eu magoei quem mais me fazia bem. Isso me deixava com nojo de mim mesma. E tudo o que eu podia fazer? Nada. Eu não via soluções, não via opções. Era só aquele momento, aquele vazio, aquela dor. Eu sabia que não ia me curar tão fácil. O que eu não sabia era como iria superar a perda de mais alguém. Era só isso, doía muito, e eu não aguentava mais.



Meu diário pessoal .. Data: 28/07/2008.

segunda-feira, 17 de outubro de 2011


Quando ameaçar doer demais: invente uma boa abobrinha e ria, feito louco, feito idiota, ria até que o que parece trágico perca o sentido.

Caio F. Abreu 




sábado, 15 de outubro de 2011


Não haja como se não sentisse amor, se você sente. Não desista de algo importante, se é exatamente isso que te faz feliz. Algumas pessoas desistem no meio do caminho, por falta de coragem ou medo de sofrer. Seja diferente: lute, ainda que doa, ainda que sofra, mas no final de tudo, tenha orgulho de dizer que ao menos tentou ser feliz, independente de ter conseguido ou não.


quarta-feira, 21 de setembro de 2011

Hoje acordei assustada, com o coração doendo e com uma necessidade absurda de você. Sentei na cama, agarrei aquele meu travesseiro, conselheiro, ombro que me acolhe nos meus momentos de fraqueza, quando o único alívio é chorar. Fiquei em silêncio, olhei pro lado, peguei o celular, olhei tua foto e revivi aquele maldito sonho que me deixou nesse estado. Olhei pra baixo e, mais uma vez, molhei o travesseiro com minhas lágrimas carregadas de dor, de amor, de saudade. Fiquei lembrando de cada detalhe seu, do seu corte de cabelo e do seu sotaque, lembrei do timbre da sua voz ao telefone e das suas risadas que me tiravam do sério. Lembrei do seu jeito ao tocar pra mim e daquele seu sorriso que me fazia rir e chorar quase sempre. Lembrei daquela briga que me fez ficar dias sem dormir e de quando você voltou a ser o meu vicio predileto. Lembrei dos ‘eu te amo’ que me faziam chorar desesperadamente e do seu poder de fazer meu coração acelerar, lembrei de como éramos próximos e de como você está longe, então meu coração sangrou.
Sangrou por sentir saudade do que éramos antes, na verdade, do que nunca fomos e nunca seremos. Sempre foi somente eu e esse meu amor gigante, que você nunca deu valor algum.
Isso é o que mais dói. Dói saber que enquanto eu necessito de você, você se esqueceu de mim, dói saber que enquanto eu beijo outros lábios, eu necessito desesperadamente tocar os seus lábios, sentir seu hálito tocar minha nuca, fazendo aquela corrente elétrica percorrer por mim e ser dominada pelos seus encantos. Dói saber que você entregou todo o seu amor a outro alguém, dói saber que você está feliz com outro alguém, não pelo fato de você estar feliz, mas sim, por você não estar feliz ao meu lado, dói acordar nas manhãs frias e ter que levantar e sair distribuindo sorrisos enquanto meu coração chora por ter você cada vez mais distante. E sabe o que dói mais? Não conseguir tirar você de mim, dói não conseguir sentir raiva de ti, nem por um segundo, pois no segundo seguinte eu estou te amando mais.


sábado, 17 de setembro de 2011



"Eu gostaria de lhe agradecer pelas inumeras vezes que você me enxergou melhor do que eu sou...
Pela sua capacidade de me olhar devagar, já que nessa vida muita gente já me olhou depressa demais ..."




(Pe. Fábio de Melo)

quarta-feira, 14 de setembro de 2011


Quantas vezes você seria capaz de tapar os olhos e perdoar novamente? Até que ponto essa limitação em seu ‘nunca mais’ vai passar a ser real? Se não é para dizer ‘eu te amo’ se não lhe interessa, porque então dizer nunca mais se amanhã volta a ser a mesma ? Porque apesar de tudo eu acabei vivendo, amando, aprendendo e sofrendo.
Ser forte é ver a pessoa amada com outra, e sorrir com os olhos cheios de lágrimas. A coisa mais difícil de se enfrentar é ver a pessoa que você ama , amar outra pessoa. É triste viver sem amor , é triste um amor ter fim. O mais cruel que você pode fazer é permitir que alguém se apaixone por você , quando você não pretende fazer o mesmo.
O que fazer quando a pessoa que te faz sofrer , é a unica que pode te fazer feliz?
Sei agora qual o meu destino, a morte das palavras, a morte dos sentimentos. Passarei apenas a partilhar as folhas de papel em branco com quem me acolher.
As coisas que eu faço me lembram você. E as roupas que uso ainda tem o seu cheiro. Em meu olhar brilha o desejo de estar sempre ao seu lado. Mas em cada desejo brilha a desilusão de estar sonhando acordada. Ontem foi um dia diferente, foi um dia oposto dos outros, tão normais comparados a esse. Foi um dia em que tudo acabou, o dia em que coloquei os sonhos, o amor na lata de lixo. Aonde foi parar o amor que você prometeu que seria pra sempre, mesmo que o sempre não exista?Aonde você está? Porque está assim, tão distante de mim?  Pois é, estou cheia de perguntas, mas tem algo que tenho e sempre terei certeza, o que senti e sinto por ti é muito mais do que amor, é algo indescritível, algo que você nunca sentiu por ninguém. Quando estamos felizes as coisas em nossa volta são sempre belas, mesmo que a realidade seja cruel. Quando estamos tristes, tudo parece nos atingir mais e o que antes não víamos, hoje é mais presente e doloroso, só sofrendo percebemos que o mundo não gira em torno de nós mesmos. Devo ter um sorriso materializando a falsa alegria, poucas coisas fazem a gente sorrir com a alma vazia. Hoje, mais um dia indo embora e eu me lembro a toda hora que não tenho mais você e agora,um vazio aqui no peito,eu sofrendo desse jeito, e querendo resolver.


quarta-feira, 7 de setembro de 2011


A lista de coisas pra te falar é extensa, mas a coragem anda em falta por agora. Talvez porque você não olhe mais na minha cara, ou talvez porque, todas as vezes que nos encontramos, tenho que segurar minhas lágrimas para não ser o centro das atenções, negativamente, é claro. Talvez minha coragem esteja em falta porque você disse que me amava, mas virou as costas quando achei que podia contar com você… ou pelo simples fato de eu ter pensado que você se importava, quando na verdade, eu era só mais um desses seus brinquedinhos, que quando você cansa, joga fora. Cansei dos seus jogos de palavras, e principalmente, de sentimentos. Cansei de ser seu brinquedo, sua garota temporária, aquela que você procura quando se sente sozinho. Simplesmente cansei de ser usada e jogada fora, de sofrer com suas mentiras. Me desculpe se não fui um bom brinquedo, se não me quer mais, coloque para adoção, quem sabe alguém cuide melhor. 
Clara Badia


segunda-feira, 5 de setembro de 2011

Volteei!!

Aii amigos voltei hj, não tenho grandes novidades...não teve uma grande evolução...quer dizer só dele me convidar para ir na casa dele, depois de 3 anos já é grande coisa.
Mais para variar daquela boca não sai nada...mais ele foi um amor o tempo todo, parecei o agarradinho sempre atencioso comigo. Mais faltou aquilo que tanto queria ouvir "senti sua falta", "vamos tentar novamente?". Será que criei muita expectativa para primeira vez???!???!?!?!
Sei se vim embora com o coração na mão, com uma vontade imensa de largar  tudo e correr para o lado dele. Mais ele não falou nadaaa!! :(
E agora o que eu faço?!?!?!? 
Espero ou surto de vez...hauahauahauahauahauahuahauaha
Espero que algo bom aconteça e ele venha falar comigo!!
E tbm deu para matar a saudadee da familia dele que adorooooooooooooooooooooooooooooooo!!
Isso valeu muito a pena.


Beijão a tdoos!!!


Sabe o que é foda? Você se esforçar pra caralho pra ajudar algumas pessoas e elas sequer te darem a mão quando está caído.


quarta-feira, 31 de agosto de 2011

Oieee gente!!


Estou super nervosa essa semana!!
Depois de 3 ano vou reencontrar uma pessoa que foi de grande importância para mim e que já apareceu em vários post que fiz no blog durante todo esse tempo.
Hoje já nem sei o que sinto por ele, como vai ser minha atitude qdo chegar perto dele. Mais preciso fazer isso acontecer. E esse final de semana vai acontecer....estou indo a convite dele visita-lo.
\0/ \0/
Aguardem....depois digo o que aconteceu...


Beijooos


sábado, 27 de agosto de 2011

Um ano do Gabriel!!




A um ano atrás nasceu o baixinho mais esperado entre eu minha amigas...hauahauahua...o Gabriel...
Fomos todas em peso para a maternidade para espera-lo, mal conseguimos pega-lo o pai dele grudou.
Depois veio a festa ele passou por alguns probleminhas que o levaram por 1 semana na neu-natal, passamos alguns dias na torcida para tudo da certo... E graças ao nosso pai maior hj ele completou 1 aninhoo!!
Te amo demais gordinho da dinda!!!