Páginas

domingo, 1 de outubro de 2017

Se bem vindo ... Outubro!!


Que Outubro seja tão doce quanto Setembro. Que os dias que estão por vir, sejam majestosamente doces... Que ao meu redor eu possa ver sorrisos iluminados, e que ao meu lado permaneçam pessoas de coração leve. Sem cobiça nos olhos, sem invejar o próximo. Que o desejo seja puro e inocente. Que desejemos á felicidade para todos aqueles que não conseguem encontrá-la. Que eles possam em Outubro, passar a enxergar a vida de um jeito mais leve. Que Outubro seja um mês de bençãos. Que os ventos sejam sim favoráveis. Mas que eu faça ser. Que eu sonhe ainda mais, mas que eu faça todos esses sonhos se tornarem realidade. Que eu não apenas espere de Outubro, que eu realize em Outubro. Que não me falte, coragem, fé, paz de espírito e amor. Que todos nós sejamos capazes de correr atrás dos nossos sonhos, ao invés de apenas esperarmos que os ventos façam seu papel.
Mais um mês começou, e largada para realizar e chegar aonde queremos, está lançada!

quinta-feira, 24 de agosto de 2017


segunda-feira, 31 de julho de 2017

Bem vindo Agosto..

 Traga contigo os sorrisos que Julho me roubou. Mais intensidade em seus dias, mais verdades, mais amor, mais razões para que eu sinta vontade de levantar todas as manhãs. Traga-me sonhos, planos e realizações. Seja melhor, seja mais especial, seja inesquecível. Apenas chegue, aconteça, me traga surpresas e me dê felicidade.

quinta-feira, 1 de junho de 2017



"Que venha Junho com lindas surpresas. Que venha com suas noites frias e seus amores, quentes. Que venha com novas expectativas, novas vontades. Que venha pra secar as lágrimas que o mês de maio fez cair. Que venha cheio de amigos e de sabedoria, cheio de esperança por dias melhores."

domingo, 14 de maio de 2017


quinta-feira, 30 de março de 2017

Algumas vezes guardamos tantos sentimentos, tanta tristeza, angústias, sorrisos forçados; que uma hora isso tudo não cabe mais dentro do coração e transborda, e a única saída é deixar as lágrimas saírem, como cada gota de chuva, fazendo assim com que cada gota leve com ela todos esses sentimentos, toda essa dor, essa coisa ruim que te prende a garganta como se fosse um nó. Por mais que eu saiba que chorar não resolve, eu choro, às vezes como uma criança que perdeu sua chupeta, mais isso serve para tirar esse peso de mim, tirar essa faca que aos poucos corta meu coração em pedaços. E finalmente quando todas as lágrimas saem eu me sinto ‘limpa’, viva de novo para guardar os mesmos sentimentos dentro de uma caixa chamada coração, e quando a caixa transborda é necessário esvazia novamente, esse é um clico que nunca tem fim!

domingo, 19 de março de 2017

“Meu Deus, não sou muito forte, não tenho muito além de uma certa fé - não sei se em mim, se numa coisa que chamaria de justiça-cósmica ou a-coerência-final-de-todas-as-coisas. Preciso agora da tua mão sobre a minha cabeça. Que eu não perca a capacidade de amar, de ver, de sentir. Que eu continue alerta. Que, se necessário, eu possa ter novamente o impulso do vôo no momento exato. Que eu não me perca, que eu não me fira, que não me firam, que eu não fira ninguém. Livrai-me dos poços e becos de mim, Senhor. Que meus olhos saibam continuar se alargando sempre.

quarta-feira, 1 de março de 2017

Seja muito bem-vindo, Março..

Que nos traga positividade e força para continuarmos acreditando nos nossos sonhos. Que ele nos encha de surpresas boas. Que não nos falte fé, coragem e disposição para que possamos viver e lutar em busca de nossos objetivos. Que ele nos traga muita saúde, paz, alegria, esperança e amor muito mas muito amor!

E se tivermos momentos de dificuldades que elas sejam superadas da melhor forma possível.

Que Março seja um mês abençoado para todos nós!

quinta-feira, 23 de fevereiro de 2017

Não existe um só ser humano na face da Terra que não tenha tido vontade de desistir e jogar tudo para cima. Por isso, minha dica é: não tome decisão alguma no meio da crise, no meio da tempestade. Espere 48 horas, deixe a poeira baixar e tome sua decisão com equilíbrio.

Uma vez ouvi: “Pensamentos negativos são como pássaros. Você não tem como evitar que eles voem sobre sua cabeça. Mas é possível evitar que eles pousem nela e façam ninho.”

Sua capacidade de se renovar é infinita.

domingo, 19 de fevereiro de 2017

"Hoje levantei cedo pensando no que tenho a fazer antes que o relógio marque meia noite. É minha função escolher que tipo de dia vou ter hoje. Posso reclamar porque está chovendo ou agradecer às águas por lavarem a poluição. Posso ficar triste por não ter dinheiro ou me sentir encorajado para administrar minhas finanças, evitando o desperdício. Posso reclamar sobre minha saúde ou dar graças por estar vivo. Posso me queixar dos meus pais por não terem me dado tudo o que eu queria ou posso ser grato por ter nascido. Posso reclamar por ter que ir trabalhar ou agradecer por ter trabalho. Posso sentir tédio com o trabalho doméstico ou agradecer a Deus. Posso lamentar decepções com amigos ou me entusiasmar com a possibilidade de fazer novas amizades. Se as coisas não saíram como planejei posso ficar feliz por ter hoje para recomeçar. O dia está na minha frente esperando para ser o que eu quiser. E aqui estou eu, o escultor que pode dar forma. Tudo depende só de mim."

segunda-feira, 6 de fevereiro de 2017



Ontem chorei. Por tudo que fomos. Por tudo o que não conseguimos ser. Por tudo que se perdeu. Por termos nos perdido. Pelo que queríamos que fosse e não foi. Pela renúncia. Por valores não dados. Por erros cometidos. Acertos não comemorados. Palavras dissipadas.Versos brancos. Chorei pela guerra cotidiana. Pelas tentativas de sobrevivência. Pelos apelos de paz não atendidos. Pelo amor derramado. Pelo amor ofendido e aprisionado. Pelo amor perdido. Pelo respeito empoeirado em cima da estante. Pelo carinho esquecido junto das cartas envelhecidas no guarda-roupa. Pelos sonhos desafinados, estremecidos e adiados. Pela culpa. Toda a culpa. Minha. Sua. Nossa culpa. Por tudo que foi e voou. E não volta mais, pois que hoje já é outro dia.


domingo, 5 de fevereiro de 2017

Não é nenhuma novidade alguém me deixar, lá no fundo eu já sabia, mas não imaginava que você, iria me abandonar tão rapidamente. Você disse que eu mudei, eu não mudei coisa nenhuma, quem mudou, foi você, aliás, você cansou de mim, isso sim, essa é a verdade mais pura. Você quis ir, eu não fiz nada para que ficasse, quer ir? Vá. Fiquei triste? Um pouco. Vou superar? Já superei 90%. Me obriguei a fazer uma coisa ruim, que antes seria a pior coisa do mundo, mas agora, me fez bem, aliviou, exclui você do meu msn, é sim, eu fiz isso, dá pra imaginar que eu consegui fazer isso? Como eu lhe disse, do jeito que estava não iria dar certo de nenhuma forma, só tinha a tendência de piorar a cada segundo, agente só brigava. Agora me diz, quantas vezes eu falei com você, do mesmo jeito que falava antes, e você veio com um “oi, tudo bem?” ai foi eu em que mudei, não é? Lógico que fui eu, sempre sou seu, mas eu deixei você ir, não privei ninguém de ir, vai ser melhor assim, você não vai mais me ter, e eu não vou ter mais você. E aquele “nós” que você dizia durar pra sempre, acabou, ele acabou por culpa sua, eu ainda lhe pedi para que o nosso “pra sempre” nunca acabasse, mas acabou, não é? Não diga ao contrário, porque sim, ele acabou e acabou da pior forma que poderia acabar, com brigas, coisa que dissemos nunca fazer, pois é, por isso que eu não acredito no pra sempre, porque o pra sempre, sempre acaba. E o meu melhor pra sempre acabou, com a pessoa que eu jamais imanava ir assim, sem dar conclusões nenhuma.


A vida não irá lhe privar de ir, ela só vai lhe fazer com que lembre porque não disse adeus.

quinta-feira, 26 de janeiro de 2017

"Tenho andado distraído, impaciente e indeciso. E ainda estou confuso, só que agora é diferente. Sou tão tranquilo e tão contente. Quantas chances desperdicei, quando o que eu mais queria era provar para todo o mundo que eu não precisava provar nada para ninguém? Me fiz em mil pedaços para você juntar, e queria sempre achar explicação pro que eu sentia. Como um anjo caído, fiz questão de esquecer que mentir para si mesmo, é sempre a pior mentira. Mas não sou mais tão criança a ponto de saber tudo, já não me preocupo se eu não sei por que. Às vezes, o que eu vejo, quase ninguém vê. E eu sei que você sabe, quase sem querer, que eu vejo o mesmo que você. Tão correto e tão bonito, o infinito é realmente um dos deuses mais lindos. Sei que, às vezes, uso palavras repetidas, mas quais são as palavras que nunca são ditas? Me disseram que você estava chorando, e foi então que eu percebi como lhe quero tanto. Já não me preocupo se eu não sei por quê. Às vezes, o que eu vejo, quase ninguém vê. E eu sei que você sabe, quase sem querer, que eu quero o mesmo que você."

terça-feira, 24 de janeiro de 2017

“Sou aquele pedacinho de inocência que deixei no berço, sou aquela imaturidade que perdi na adolescência, sou aquelas insanidades que cometia quando não possuía responsabilidades, sou aquela doçura infantil que tornou-se amarga ao crescer… Sou aquela falta de senso, sou aquele ser que escutava tudo e sobre tudo perguntava, que hoje fecha-se em lábios calados… Sou a antiga pureza que foi profanada. Sou o mancebo que tanto cortejava, e que não se importava em receber nãos. Sou aquela esperança, hoje tão rala, que aos poucos, esvai-se do meu coração. Sou feita do amor daqueles que me tanto amaram nesta vida passageira, sou feita do afeto tão precioso dos meus escassos, porém dedicados amigos. Sou a princesinha que cansou de sonhar acordada com seu príncipe encantado, sou a donzela que largou a vida de rainha atrás de aventuras, sou a adulta que não suporta a idéia de velhice… Sou o que perdi.”

segunda-feira, 16 de janeiro de 2017

“Só me fala que vai me aturar. Aturar todas as minhas crises de ciúmes, meus momentos - não tão raros - sem paciência, as minhas desconfianças e meus surtos de insegurança. Aturar meus dramas, minhas teimosias, minha arrogância, minhas piadas sem graça e o meu não-romantismo. Aturar todos os meus tipos de provocação, meu amor por outras pessoas, minhas mudanças inconstantes de humor e de temperamento. Aturar minha mente confusa, minha memória irritante, minha sinceridade exagerada. Aturar quando eu falar que te amo mais e também quando eu não falar que te amo. Aturar e segurar tudo não por mim, nem por você… Mas por nós.”