Páginas

sábado, 19 de junho de 2010


"Mesmo que as palavras sejam esquecidas, que a presença não seja constante e que os caminhos sejam diferentes: pode ter certeza, te amarei pra sempre."

Nenhum comentário: