Páginas

domingo, 5 de fevereiro de 2017

Não é nenhuma novidade alguém me deixar, lá no fundo eu já sabia, mas não imaginava que você, iria me abandonar tão rapidamente. Você disse que eu mudei, eu não mudei coisa nenhuma, quem mudou, foi você, aliás, você cansou de mim, isso sim, essa é a verdade mais pura. Você quis ir, eu não fiz nada para que ficasse, quer ir? Vá. Fiquei triste? Um pouco. Vou superar? Já superei 90%. Me obriguei a fazer uma coisa ruim, que antes seria a pior coisa do mundo, mas agora, me fez bem, aliviou, exclui você do meu msn, é sim, eu fiz isso, dá pra imaginar que eu consegui fazer isso? Como eu lhe disse, do jeito que estava não iria dar certo de nenhuma forma, só tinha a tendência de piorar a cada segundo, agente só brigava. Agora me diz, quantas vezes eu falei com você, do mesmo jeito que falava antes, e você veio com um “oi, tudo bem?” ai foi eu em que mudei, não é? Lógico que fui eu, sempre sou seu, mas eu deixei você ir, não privei ninguém de ir, vai ser melhor assim, você não vai mais me ter, e eu não vou ter mais você. E aquele “nós” que você dizia durar pra sempre, acabou, ele acabou por culpa sua, eu ainda lhe pedi para que o nosso “pra sempre” nunca acabasse, mas acabou, não é? Não diga ao contrário, porque sim, ele acabou e acabou da pior forma que poderia acabar, com brigas, coisa que dissemos nunca fazer, pois é, por isso que eu não acredito no pra sempre, porque o pra sempre, sempre acaba. E o meu melhor pra sempre acabou, com a pessoa que eu jamais imanava ir assim, sem dar conclusões nenhuma.


A vida não irá lhe privar de ir, ela só vai lhe fazer com que lembre porque não disse adeus.

Um comentário:

Bell disse...

Por vezes temos que ser radicais.

bjokas =)